domingo, 28 de outubro de 2007

Weekend Update - Stock Car

O paranaense Rodrigo Sperafico venceu a monótona décima etapa da temporada da Stock Car, disputada neste domingo em Tarumã. Largando da pole position, o piloto da equipe Biosintética Action Power dominou a corrida de ponta a ponta, sem jamais ser ameaçado na liderança. Ao mesmo tempo, Cacá Bueno fechou na segunda posição e deu um enorme passo rumo ao título.

A prova prometia ser emocionante por causa dos pneus, que não pareciam ter capacidade de resistir ao calor de Tarumã. Ao invés disso, porém, as posições quase não se alteraram entre os líderes. Sperafico, Cacá, Duda Pamplona e Antonio Jorge Neto - os quatro primeiros - permaneceram nesta ordem praticamente do início ao fim.

Na largada, Sperafico saiu bem e manteve a ponta. Atrás dele, Cacá superou Pamplona e partiu para o ataque a Valdeno Brito, na disputa pelo segundo lugar. Na terceira volta, o atual campeão realizou a ultrapassagem e passou para a vice-liderança. Por sua vez, Valdeno teve um problema de câmbio e precisou abandonar logo depois. Dos dez pilotos da "superfinal", o paraibano foi o único a não completar a corrida.

Com o abandono de Valdeno, a ordem Sperafico-Cacá-Pamplona-Jorge Neto se manteve até o fim. Enquanto isso, o pelotão intermediário via a típica sucessão de toques e rodadas. Dessa vez, quem inaugurou as saídas de pista foi Daniel Serra, que perdeu o rumo logo na primeira volta e caiu várias posições. Mais tarde, Juliano Moro também se atrasou após rodar por conta de um toque de Guto Negrão.

Os problemas de pneus que todos esperavam demoraram a aparecer. E, quando chegaram, não afetaram o grupo da frente. De qualquer maneira, o saldo das vítimas foi enorme: Enrique Bernoldi, Ricardo Zonta, Antonio Pizzonia, Ruben Carrapatoso e Pedro Gomes foram apenas alguns que tiveram suas corridas estragadas por conta da má resistência dos compostos.

Nas últimas voltas, Cacá Bueno ensaiou um ataque a Rodrigo Sperafico, mas o paranaense se manteve seguro na primeira posição. Ele venceu com autoridade, seguido de perto por Cacá, Duda Pamplona e Antonio Jorge Neto. Na seqüência, Ricardo Sperafico foi quinto, com a aposta do Blog - Thiago Camilo - terminando em sexto.

Chico Serra, Felipe Maluhy, Luciano Burti e Alceu Feldmann completaram os dez primeiros. Após fazer um podium em Buenos Aires, Popó Bueno voltou a marcar pontos, em 11º. Allan Khodair chegou uma posição atrás, seguido por um grupo de notáveis: Ingo Hoffmann, Hoover Orsi, Daniel Serra, Ricardo Maurício e Marcos Gomes - todos participantes da "superfinal" - fecharam entre 13º e 17º, nesta ordem.

Com os resultados de Tarumã, Cacá Bueno abriu 25 pontos de vantagem sobre Thiago Camilo. Agora, o atual campeão soma 272, contra 257 de seu principal adversário. Após a vitória na corrida de hoje, Rodrigo Sperafico subiu para terceiro, com 253. Para Cacá, basta chegar à frente de seus rivais na próxima etapa - em Jacarepaguá - para conquistar o título antecipado.

A seguir, a classificação da corrida da Stock Car em Tarumã:

1. Rodrigo Sperafico/Paraná/Volkswagen Bora, 50:38.423s
2. Cacá Bueno/Rio de Janeiro/Mitsubishi Lancer, a 1.148s
3. Duda Pamplona/Rio de Janeiro/Mitsubishi Lancer, a 2.107s
4. Antonio Jorge Neto/São Paulo/Mitsubishi Lancer, a 2.580s
5. Ricardo Sperafico/Paraná/Peugeot 307, a 11.454s
6. Thiago Camilo/São Paulo/Chevrolet Astra, a 11.695s
7. Chico Serra/São Paulo/Peugeot 307, a 19.372s
8. Felipe Maluhy/São Paulo/Mitsubishi Lancer, a 20.043s
9. Luciano Burti/São Paulo/Volkswagen Bora, a 20.288s
10. Alceu Feldmann/São Paulo/Chevrolet Astra, a 21.406s

Faltando duas etapas para o fim da temporada, a Stock Car volta à pista no dia 17 de novembro. Dessa vez, a prova acontece em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. Até o fim deste domingo, o Blog volta comentando as atividades do Mundial de Rally e da Nascar. Nos vemos por aí!

Crédito das fotos: http://www.stockcar.com.br/

7 comentários:

marcos disse...

eu tambem esperava uma corrida emocionante e me decepcionei. A stock precisa repensar muita coisa ser quer ser tão grande quanto diz que é. A corrida de hoje foi chatíssima, realmente não sei o que pode ser feito para mudar esse estado de chatiação. Talvez introduzir pit stops de novo, sei la é uma sugestão apenas..

maurício disse...

Essa pode ter sido chata mas a próxima é no Rio e eu estarei lá!!!! Vc tambén né Gustavo??? Ve se arruma uma credencial, de repente vc consegue!!!

Abs

Rio Kart disse...

Direito na PUC, claro! Então você entrou esse ano, até que podemos ter nos esbarrado no primeiro semestre, já no segundo eu tenho passado lá de noite depois do trabalho, apenas. Só pra cumprir tabela mesmo. Você sabe, por causa do estágio.

No dia do kart solidário, que aconteceu lá no Premium, eu reconheci o Rafael Lopes enquanto ela fazia umas fotos da pista. Foi muito legal, a gente conversou bastante. Mas ele deixa a foto ali no perfil, aí fica mais fácil!

Será que tem mais alguém desses incontáveis blogs na PUC?

Ia fazer a mesma exclamação do Maurício, vê se arranja uma credencial na Stock! Imagino que já tenha pensado nisso... Eu tentei uma credencal para o Desafio das Estrelas em Floripa, será?!

Abraço, cara!

yuri disse...

ainda bem que eu não vi essa prova. pelo visto não perdi nada...

Net Esportes disse...

Eu não gosto muito de acompanhar Stock Car mas estava vendo hoje e realmente foi uma corridinha muito chatinha !!!!! o mais legal foi ver o estado dos pneus.... destruídos.

Blog F1 Grand Prix disse...

Mauríco e Fábio,

Credencial acho difícil, mas vou fazer de tudo para ir à prova!

Grande abraço a todos!

Gustavo

Guilherme (RJ) disse...

A prova foi um saco!!!

E o campeonato foi pro Cacá, a não ser que ele aperte o botão errado, nas duas últimas provas!