quarta-feira, 14 de novembro de 2007

Toyota é primeira equipe a marcar data de lançamento de seu modelo 2008

Se dentro da pista a Toyota está longe de ter o carro mais rápido, fora dela, ao menos, o time nipônico saiu na frente. Nesta quarta, a escuderia vermelha e branca tornou-se a primeira equipe a confirmar o dia do lançamento de seu modelo 2008. Segundo o diretor técnico da Toyota, Pascal Vasselon, a data escolhida foi 10 de janeiro. Ele também prometeu novidades para o ano que vem:

"Nosso modelo 2008 vai ser bem diferente. Não diria revolucionário, porque a natureza é a mesma. De qualquer maneira, nosso carro será bastante distinto, representando uma evolução com base na nossa experiência", disse Vasselon em entrevista à revista F1 Racing. Além da Toyota, Williams e McLaren já escolheram o mês de janeiro para fazerem seus lançamentos, mas ainda não confirmaram o dia exato.

Apenas a sexta colocada no Mundial de Construtores em 2007, a Toyota ainda precisa provar a que veio. Presente na Fórmula 1 desde 2002, a montadora japonesa passou de time-sensação à equipe mais sem-graça do pelotão em tempo recorde. Para piorar, a Toyota experimenta uma queda de rendimento vertiginosa nos últimos dois anos. Em 2005, foram 88 pontos conquistados. Na última temporada, apenas 13.

Para o ano que vem, Jarno Trulli já está confirmado como o piloto principal da Toyota. Seu companheiro de equipe deverá ser o atual campeão da GP2, Timo Glock. Ambos são rápidos e competentes, mas não parecem ser bons o bastante para levar a Toyota até o topo. Falta, simplesmente, alguém que possa liderar a equipe. Trulli e Glock não são ruins, mas estão longe de fazerem a diferença.

Ao mesmo tempo, a Honda confirmou que vai continuar com seu carro ecológico em 2008. Embora tenha sido alvo de chacota de parte da imprensa por causa de sua pintura, digamos, criativa, a equipe de Jenson Button e Rubens Barrichello não quer mudar seu conceito. Por enquanto, a Honda deve permanecer utilizando um modelo todo branco na pré-temporada, antes que o novo design fique pronto.

Nos testes de Barcelona de hoje, Michael Schumacher comandou a tabela de tempos mais uma vez. Falaremos sobre esse assunto daqui a pouco, no post da noite. Por hora, deixo vocês com uma curiosa declaração de David Coulthard. Assim como a maioria, o escocês ficou profundamente impressionado com o desempenho do heptacampeão, e não perdeu a oportunidade para fazer uma brincadeira:

"O que eu achei dos testes de hoje? Bem, tem um cara novo chamado Michael. Parece que ele tem algum talento. Promete bastante. Tenho certeza que ele vai fazer sucesso!".

Crédito das fotos: www.gpupdate.net

6 comentários:

andré disse...

essa frase do coulthard diz tudo. Falando da Toyota, não acho que eles vão conseguir alguma mudança brusca em 2008, talvez fiquem que nem a Honda nesse ano se continuarem com essa postura sem graça como voce disse. Tem que ter alguem ali como um Ross Brown ou um Fernando Alonso, dentro ou fora da pista, um sujeito que seja bom mesmo. Quem são os dirigentes da Toyota, eu nem consigo lembrar os nomes!, e os pilotos também não são grande coisa, acho um erro contratar Glock, embora ele tenha vencido a GP2 cometeu vários erros e provou não ser bom o suficiente para a Fórmula 1. E o Trulli é aquela história de sempre, rápido no sábado e um caminhão no domingo, segurando todo mundo que vem atrás. Vamos ver mas ue não espero grandes coisas da Toyota em 2008, ao contrário da Honda que mesmo com essa pintura ridícula pode conseguir melhorar bastante com o Ross Brown, tomara que Rubinho e Button correspondam no ano que vem porque sou fã dos dois.

tiago disse...

Não passei aqui no dia que voce fez 50,000, então estou postando aqui em cima para voce ver, parabéns pela marca. Gosto muito do seu blog e continue assim.

Jab's disse...

Bem como eu disse a um tempo atrás eu boto uma fé em Toyota e Honda melhor. Resta saber na prática agora.

Parabéns pela marca das 50mil visitas.

kimi_cris disse...

A toyota pelo menos é a primeira em qualquer coisa.

Blog F1 Grand Prix disse...

Obrigado pelas mensagens!

André: É isso aí mesmo: a Toyota precisa de alguém que faça a diferença. Na situação atual, não há ninguém com esse perfil na equipe japonesa. Nem pilotos e nem dirigentes...

Tiago e Jab's: Valeu mesmo pelas mensagens! Elas são um grande incentivo.

Grande abraço a todos!

Gustavo Coelho

Felipe Maciel disse...

Mais um carro vermelho e branco tão igual quanto aos anteriores...
Eu até fiz um desafio no blog sabendo que ninguém iria acertar, jogando as imagnes dos modelos anteriores e perguntando qual é de qual ano.

Nunca vi uma equipe que usa sempre a mesma pintura rigorosamente. Isso é que é fidelidade à tradição.