sábado, 20 de outubro de 2007

Resumo da sexta-feira

(O Blog F1 Grand Prix já está confortavelmente instalado em São Paulo, após uma viagem que durou oito horas - oito! - em virtude de um gigantesco engarrafamento na Via Dutra. Diretamente da sede do Grande Prêmio do Brasil, começamos nossa humilde cobertura "in loco". Espero que vocês gostem...)

Lewis Hamilton abriu as atividades do Grande Prêmio do Brasil na liderança, ao cravar o melhor tempo na segunda sessão de treinos livres. Seu arquiirival, Fernando Alonso, não ficou muito atrás, terminando na segunda posição com uma volta apenas 0.122s mais lenta do que a do inglês. Logo atrás, veio a dupla da Ferrari, com Felipe Massa à frente de Kimi Raikkonen.

Não vi quase nada dos ensaios. Mesmo assim, deu para perceber que os tempos de hoje não valem de muito parâmentro. Uma prova disso: a volta de Hamilton foi mais de dois segundos pior do que a pole de Massa, no ano passado. Considerando que o asfalto, em tese, deve tornar a pista mais rápida, ainda há muito espaço para melhora.

Chovia timidamente pela manhã, e os pilotos demoraram a experimentar a nova superfície de Interlagos. No fim, Kimi Raikkonen foi o melhor da sessão, apesar de ter completado apenas nove voltas no total. Fernando Alonso, que optou por poupar seu motor, nem chegou a estabelecer tempo.

À tarde, as coisas ficaram mais interessantes. A maioria dos pilotos andou bastante, e a ponta foi trocando de mão à medida que os tempos íam baixando. Hamilton fez a volta mais rápida, mas seus rivais não ficaram muito longe. Pelo que se viu até agora, a classificação de amanhã continua totalmente impresível. A corrida, então, nem se fala.

Olhando a tabela de tempos, destaque principal para Giancarlo Fisichella, o melhor piloto fora do "G4". Além dele, Kazuki Nakajima também merece elogios: em seu primeiro dia como titular da Williams, ficou a apenas 0.009s de seu companheiro de equipe, Nico Rosberg. Por sua vez, Rubens Barrichello bateu Jenson Button e foi 13o. Sua Honda, porém, continua fraca demais para despertar esperanças.

A seguir, a tabela de tempos da sexta-feira do Grande Prêmio do Brasil. Todos os pilotos estabeleceram suas melhores marcas na sessão da tarde:

1. Lewis Hamilton-Inglaterra-McLaren, 1:12.767s
2. Fernando Alonso-Espanha-McLaren, 1:12.889s
3. Felipe Massa-Brasil-Ferrari, 1:13.075s
4. Kimi Raikkonen-Finlândia-Ferrari, 1:13.112s
5. Giancarlo Fisichella-Itália-Renault, 1:13.549s
6. Robert Kubica-Polônia-BMW, 1:13.587s
7. Nico Rosberg-Alemanha-Williams 1:13.655s
8. Kazuki Nakajima-Japão-Williams, 1:13.664s
9. David Coulthard-Escócia-Red Bull, 1:13.706s
10. Nick Heidfeld-Alemanha-BMW, 1:13.785s
11. Ralf Schumacher-Alemanha-Toyota, 1:13.829s
12. Heikki Kovalainen-Finlândia-Renault, 1:13.879s
13. Rubens Barrichello-Brasil-Honda, 1:13.892s
14. Jenson Button-Inglaterra-Honda, 1:14.095s
15. Vitantonio Liuzzi-Itália-Toro Rosso, 1:14.152s
16. Jarno Trulli-Japão-Toyota, 1:14.179s
17. Sebastian Vettel-Alemanha-Toro Rosso, 1:14.409s
18. Takuma Sato-Japão-Super Aguri, 1:14.431s
19. Anthony Davidson-Inglaterra-Super Aguri, 1:14.477s
20. Mark Webber-Austrália-Red Bull, 1:14.543s
21. Adrian Sutil-Alemanha-Spyker, 1:15.095s
22. Sakon Yamamoto-Japão-Spyker, 1:15.715s

Amanhã, o terceiro treino livre acontece às 11 horas de Brasília. Mais tarde, às 14:00, é acontece a classificação.


Logo hoje, quando fiquei bastante tempo afastado de um computador, várias notícias agitaram os bastidores da Fórmula 1. Vamos a um rápido resumo:

Lewis Hamilton, Jenson Button e Takuma Sato foram multados em 15 mil euros e perderam um jogo de pneus de chuva para o resto do fim de semana. O motivo: utilizaram mais compostos de pista molhada na sessão da manhã do que o regulamente permite. Punição normal, diga-se de passagem. Mas que deixou a imprensa espanhola fula da vida. Hamilton, uma vez mais, saiu no lucro.

Aos profissionais presentes em Interlagos, Bernie Ecclestone assegurou que a Prodrive não vai, realmente, fazer sua estréia na Fórmula 1 na próxima temporada. Uma vergonha para a FIA, que escolheu o time inglês como a 12a. equipe da categoria após um longo processo de seleção, que tinha mais de 22 candidatos. Pelo visto, a opção da entidade foi completamente equivocada. Para variar...

Enquanto isso, Fernando Alonso esfriou os rumores de que estaria de mudança para a Renault, ao afirmar que sua saída da McLaren "não tem lógica". Ao mesmo tempo, o jornalista Fábio Seixas - fonte bastante confiável - garantiu na Rádio Bandeirantes que Nelsinho Piquet vai, sim, estrear como titular da equipe francesa em 2008. Será que a Renault desistiu do espanhol (não tem interrogação nesse teclado, caramba!).

Por fim, um grupo de empresários anunciou a construção de um mega-complexo automobilístico na cidade gaúcha de Nova Santa Rita. Parte do projeto, aliás, já começou a ser erguido. O objetivo principal é ter uma pista de nível internacional e que se torne referência no continente americano. Considerando a importância do assunto, voltaremos a ele na semana que vem.

Agora, simplesmente não há tempo porque o meu cartão de duas horas já está quase estourando...


Como previsto, as demais categorias que correm neste fim de semana foram completamente ofuscadas pela Fórmula 1. De qualquer forma, o Blog não pode deixar de registrar suas atividades.

No circuito de Sepang, o francês Randy de Puniet cravou a pole provisória do Grande Prêmio da Malásia da MotoGP. O desempenho do piloto da Kawasaki foi surpreendente, mas não deve se manter amanhã. Até porque Casey Stoner, o favorito da maioria - incluindo o escriba do Blog - não ficou muito atrás, na segunda posição.

Na seqüência, Marco Melandri, Daniel Pedrosa e Anthony West completaram os cinco primeiros. Alexandre Barros fechou na 12a. posição e Valentino Rossi não passou de 16o, sofrendo horrores com o péssimo desempenho de sua Yamaha. Amanhã, a MotoGP define seu grid de largada para a prova da madrugada de domingo em Brasília.

Em Surfers Paradise, na Austrália, a ChampCar abriu suas atividades da penúltima etapa de sua temporada. No fim do dia, o espanhol Oriol Servia terminou com o melhor tempo, seguido de Will Power e Justin Wilson. O palpite do Blog - Sebastien Bourdais - fechou numa discreta oitava posição. Por sua vez, o brasileiro Bruno Junqueira foi sétimo.

Por fim, a Nascar realizou treinos livres no mini-oval de Martinsville, visando a etapa de domingo. Líder do campeonato, Jeff Gordon liderou os ensaios, com os azarões John Andretti e Tony Raines logo a seguir. Minha aposta, Kyle Busch, ficou em 16o, com Juan Pablo Montoya apenas uma posição atrás.


Infelizmente, a internet do hotel onde estou não se conecta ao YouTube. Por causa disso, o Blog vai ficar sem vídeos pelos próximos dias. Alías, peço desculpas antecipadas aos amigos blogueiros, já que ficarei sem tempo para visitar seus espaços neste fim de semana. A partir de terça, tudo volta ao normal.

Neste sábado, o Blog começa sua cobertura especial do Grande Prêmio do Brasil. A partir da parte da tarde, volto comentando as atividades da prova e o noticiário do mundo da velocidade. E depois, no fim do dia, vem aí um post especial, com os bastidores do dia em Interlagos. Até amanhã!

Crédito das fotos:

8 comentários:

maurício disse...

Gustavo, parabéns pelo esforço em fazer essa cobertura diretamente de São Paulo!!! Eu sei que não é fácil, deve tá gastando uma grana para postar do hotel. Quero ver as fotos do setor A amanhã!!

Tô ansiosaço para essa prova, to nervoso mesmo, a muito tempo que a Fórmula 1 não tem uma corrida que eu esperasse com tanta vontade..

Hamilton protegido de novo!!!!! Devia ter perdido 10 posições no gird com a essa puniçã. Ia ficar engraçado a disputa do título, ele teria de sair lá de trás e tudo seria ainda mais emocionante.

Alonso e Nelsinho na Renault em 2008, pode anotar. Kova vai pra Williams e Fisico pede as contas.]

vamos ver, simbora amanhã!!!!!

aurélio disse...

não comento por aqui a um tempo por falta de tempo mas gostaria de elogiar voce, Gustavo. Parabéns pelo trabalho, eu sei que não é fácil. Você tem o meu apoio e boa viagem!!

Rio Kart disse...

No momento o que não falta são interrogações! Vai ser difícil trabalhar sem elas!

Não vejo a hora disso tudo começar. Imagino você aí. Aliás, desisti da aventura até Interlagos, fica pra próxima. Que venham as fotos!

Abraço.

Maragato disse...

Grande Gustavo...

Acho que o pessoal vai entender pq o blog vai ficar sem vídeos e seus posts em outros locais, já que, tudo para manter o blog em dia e com notícias, fotos, e comentários inéditos e exclusivos.

Boa sorte ai em Sampa, tudo vai dar certo.

vou vendo oq acho a respeito da Nascar (já que é uma das categorias que mais gosto) e mando as news para teu e-mail!!!

baita abraço, e mta sorte!

Jairo.

Fleetmaster disse...

Será que a Ferrari escondeu o jogo ??

Worstlap disse...

Opa! Beleza?

Outra notinha que ainda está na fase de rumores é a mudança do Valentino Rossi (e, possivelmente de toda a Yamaha) para a Bridgestone...

Grande abraço, e que vc resista às mudanças de tempo de SP. Só falta nevar amanhã. =OP

Guilherme (RJ) disse...

Beleza de cobertura, Gustavo!!!

Fora os problemas normais que você esteja enfrentando, estar postando aqui diariamente já é um prêmio pra galera que acompanha a F1 e seu blog.

Faltando 15 minutos pra começar o treino decisivo, vou palpitar as colocações:

1º) Massa
2º) Alonso
3º) Kimi
4º) Hamilton
9º) Rubinho

Grande Abraço!!!

PS: E a torcida pelo título aí tá mais pra quem???

Felipe Maciel disse...

Esperamos as imagens exclusivas do Blog na segunda hein hehe

Abs