quinta-feira, 11 de outubro de 2007

Alonso teria assinado carta de intenções com a Renault

Fernando Alonso parece cada vez mais perto da Renault. Nesta quinta, uma matéria do jornal Bild garante que o espanhol assinou um carta de intenções com a equipe francesa, válida caso Alonso consiga se desvincular de seu contrato com a McLaren. Além disso, a reportagem também assegura que Ferrari e Toyota têm interesse no bi-campeão.

A princípio, porém, a Renault tem muito mais chances de vencer a disputa. A Toyota, no cenário atual, ainda não é uma equipe competitiva o suficiente para chegar ao nível de exigência de Alonso. Por sua vez, a Ferrari não daria ao espanhol o status de primeiro piloto que Alonso tanto valoriza, emperrando qualquer tipo de negociação.

Na Renault, o diálogo com o bi-campeão flui com muito mais naturalidade. A princípio, o acordo entre as duas partes seria de três anos, precaução da equipe francesa para evitar uma saída de Alonso no fim de 2008. Mas tudo isso só se concretizaria, é claro, se o espanhol conseguisse quebrar seu contrato com a McLaren, seja cansando os ingleses com suas desobediência ou pagando a multa rescisória.

Tendo em mente que a fonte é o Bild - uma publicação de histórico não muito confiável - ainda é cedo para cravar Alonso na Renault na próxima temporada. Mas já não resta nenhuma dúvida do desejo mútuo de refazer a parceria que rendeu dois títulos mundiais, em 2005 e 2006. Muitos dos que acreditavam na permanência do bi-campeão na McLaren - eu, inclusive - já mudaram de idéia.

Agora, a principal possibilidade parece ser mesmo o acordo entre Alonso e a Renault. Resta saber até onde a McLaren está disposta a ir para tentar manter os serviços do espanhol. O que vale mais: a capacidade de Alonso dentro da pista, fundamental na recuperação do time prateado, ou o bom ambiente da equipe, hoje insuportável com a guerra de nervos iniciada pelo bi-campeão?

Também nesta quinta, o empresário de Alonso negou, ao jornal L'Equipe, a existência da tal carta de intenções. Mas a postura do manager do espanhol durante toda a troca de farpas com a McLaren tem sido exatamente esta: insistir na permanência de Alonso no time prateado, descartando conversas com qualquer outra equipe. Sinceramente, parece até que o empresário está por fora das ações de seu cliente.

Aliás, considerando a personalidade independente de Alonso, não duvido nada dessa possibilidade...


Timo Glock está pertinho de ser confirmado pela Toyota. Mais uma vez, a fonte é o jornal Bild, que garante o anúncio do acordo para depois do Grande Prêmio do Brasil. Com as negociações com Fernando Alonso fadadas a fracassar, a equipe japonesa não perdeu tempo e assinou contrato com uma das melhores opções do mercado.

É verdade que Glock não é nenhum fenômeno. De qualquer maneira, o alemão de 25 anos já provou ser rápido e competente. Na atual temporada, ganhou quilometragem como piloto de testes da BMW e conquistou o título da GP2 merecidamente, apesar de alguns tropeços. A meu ver, dos pilotos disponíveis para a Toyota, apenas Adrian Sutil seria uma escolha tão boa quanto Glock.

Enquanto isso, outra cria da GP2 - Luca Filippi - parece estar com crédito entre os dirigentes da Fórmula 1. Após ter sido considerado para o cargo de piloto de testes da Ferrari, o italiano agora tenta negociar uma vaga na Honda, cumprindo a mesma função. Um teste durante o período de pré-temporada, ao menos, já está praticamente acertado com a equipe nipônica.

Por fim, Ralf Schumacher continua lutando para encontrar uma vaga para 2008. O alemão é cotado para Williams, Prodrive e até Super Aguri. Na Spyker, porém, parece que não há mais chance de acordo. Nesta quinta, o novo dono do time laranja, Vijay Mallya, negou a contratação do Schumacher mais novo, embora os dois sejam amigos pessoais. Segundo o indiano, a escolha tem de ser feita "com o cérebro e não com o coração".

Essa doeu, hein, Ralf?


Notícia que quase passou batida pelo Blog: o finlandês Heikki Kovalainen foi confirmado para a "Corrida dos Campeões", evento que reúne pilotos de Rally, Motocross, Turismo e Fórmula 1. Neste ano, a competição vai ser realizada no dia 16 de dezembro, dentro do estádio de Wembley, em Londres, onde uma pista em formato de "oito" deve ser montada.

Para quem não sabe, as disputas são sempre em dupla, no estilo mata-mata. Os pilotos percorrem, ao mesmo tempo, o estreito e difícil traçado artificial, com carros de diferentes categorias. Cada duelo acontece em "melhor-de-três", com o vencedor passando para a fase seguinte e o perdedor sendo eliminado.

Por enquanto, 11 pilotos já foram anunciadados para o evento. A expectativa é que, no mínimo, esse número chegue a 16, totalizando oito "equipes" diferentes. O Brasil, a princípio, seria um dos países representados, mas nenhum brazuca foi anunciado ainda. Nos últimos anos, Felipe Massa, Nelsinho Piquet e Tony Kanaan foram alguns dos que participaram da competição.

A lista provisória dos confirmados está a seguir:

Alemanha - Michael Schumacher (ex-Fórmula 1)
Escandinávia - Tom Kristensen (DTM) e Mattias Ekström* (DTM)
Escócia - David Coulthard (Fórmula 1)
Estados Unidos - Jimmie Johnson (Nascar) e Travis Pastrana (Motocross)
Finlândia - Heikki Kovalainen (Fórmula 1) e Marcus Grönholm (Mundial de Rally)
França - Sebastien Bourdais (ChampCar)
Inglaterra - Jenson Button (Fórmula 1) e Andy Priaulx (Mundial de Turismo)
* = atual campeão

O Blog vai continuar acompanhando os preparativos para a Corrida dos Campeões, um evento realmente único.


E já que falamos no assunto, o vídeo do dia é um aquecimento para a Corrida dos Campeões deste ano, com cenas das últimas edições:



Amanhã, o Blog volta com a seção Agenda do Fim de Semana, apresentando os destaques do automobilismo pelos próximos três dias. E, ao longo da sexta, comentários sobre as principais notícias do mundo da velocidade. Nos vemos por aí!

Crédito das fotos:
Fernando Alonso, Timo Glock e Luca Filippi - www.gpupdate.net
Corrida dos Campeões - http://www.raceofchampions.com/

6 comentários:

alex disse...

será que o empresário do Alonso não sabe de nada?? O Britare não sabai quando ele foi pra Mclaren!!

angelo disse...

já é patética essa boataria toda com o Alonso. Nâo dá para aguentar mais. Melhor isso terminar logo ou nem me darei ao trabalho de entrar nos sites de notícia para ver como está essa novela.

bruno disse...

Eu acho o Timo Glock fraco. Não é possivel, tinha que ter alguém melhor que ele. Punha o Lucas di Grassi, que perdeu o título para ele mas é muito mais piloto !!

kimi_cris disse...

Vamos ver se Alosno vai para a Ferrari ou para a Renault, eu aposto na Ferrari em 2009.

Lucas disse...

Essa corrida dos campeões passa na televisão?

Blog F1 Grand Prix disse...

Lucas,

Não sei. Como a corrida só acontece em dezembro, ainda não há notícias. De qualquer forma, é bem provável que, pelo menos, os melhores momentos passem em programas como o Grid Motor do Sportv ou o Limite da ESPN.

Grande abraço!

Gustavo