quarta-feira, 11 de junho de 2008

Peugeot domina primeiro treino oficial das 24 Horas de Le Mans

A Peugeot monopolizou as três primeiras colocações no treino que abriu a programação oficial das 24 Horas de Le Mans. Na ponta da sessão de hoje, Stephane Sarrazin/Pedro Lamy/Alexander Wurz estabeleceram um tempo simplesmente oito segundos melhor do que a pole position de 2007. O trio do brasileiro Ricardo Zonta veio na vice-liderança, enquanto o campeão mundial Jacques Villeneuve encabeça a equipe que apareceu na terceira posição.

A pior das três formações oficiais da Peugeot colocou cinco segundos de vantagem para o melhor Audi na classificação. Vencedora de oito das últimas nove edições das 24 Horas de Le Mans, a marca alemã parece destinada a amargar uma fragorosa derrota neste ano. O trio liderado pelo dinamarquês Tom Kristensen - heptacampeão da histórica corrida - não passou de quarto, seguido pelos outros dois times oficiais da Audi, em quinto e sexto.

Dentre os 165 pilotos inscritos na prova, há cinco brasileiros. Além de Zonta, que integra a equipe oficial da Peugeot e tem chance real de vitória, também vão correr Thomas Erdos, Xandinho Negrão, Jaime Melo Jr. e Christian Fittipaldi. Nos treinos desta semana, eles ficaram espalhados pelo pelotão, e não tiveram condições de disputar as posições de ponta por estarem incritos em categorias inferiores.

A seguir, o resultado do primeiro treino oficial para as 24 Horas de Le Mans:

1. Stephane Sarrazin-Pedro Lamy-Alexander Wurz/Peugeot, 3:18.513s
2. Franck Montagny-Ricardo Zonta-Christian Klien/Peugeot, 3:18.642s
3. Marc Gene-Nicolas Minassian-Jacques Villeneuve/Peugeot, 3:20.451s
4. Tom Kristensen-Allan McNish-Rinaldo Capello/Audi, 3:25.454s
5. Mike Rockenfeller-Alexandre Premat-Lucas Luhr/Audi, 3:25.861s
6. Frank Biela-Emanuele Pirro-Marco Werner/Audi, 3:27.580s
7. Christophe Boullion-Romain Dumas-Emmanuel Collard/Pescarolo, 3:28.533s
8. Daisuke Ito-Yuji Tachikawa-Tetsuya Kataoka/Dome, 3:29.727s
27. Thomas Erdos-Mike Newton-Andy Wallace/RML, 3:44.188s
42. Xandinho Negrão-Nick Leventis-Peter Hardman/Vitaphone, 3:58.497s
43. Christian Fittipaldi-Terry Borcheller-Jos Menten/Modena, 3:59.642s
47. Jaime Melo Jr.-Mika Salo-Gianmaria Bruni/Risi, 4:04.692s


A 76ª edição das 24 Horas de Le Mans tem largada no próximo sábado, dia 14 de junho, e encerra-se na tarde do dia 15.



David Coulthard já começa a pensar na aposentadoria. Ao menos, foi isso o que o escocês deu a entender em entrevista concedida hoje à Motorsport Aktuell. "Sem dúvidas, o relógio está fazendo tique-taque. Mas eu não lamento nada. Tenho tido uma bela jornada na minha vida e na minha carreira", afirmou Coulthard. Mesmo com o podium no G.P. do Canadá, "DC" não tem mais o prestígio de outros tempos na Red Bull. A tendência é que ele seja substituído por Sebastian Vettel na próxima temporada.

Enquanto isso, Lewis Hamilton voltou a mostrar otimismo exagerado, dessa vez falando à Reuters. Após garantir que faria "quinze podiuns até o fim da temporada" - marca que se tornou inalcançável com o abandono no Canadá - e de classificar a McLaren de "imbatível", Hamilton saiu-se com esta hoje: "Fui punido com dez posições no grid do G.P. da França, mas estou confiante de que posso vencer lá. Esse é o meu trabalho. Mas será um grande desafio", disse Hamilton.

Para fechar o giro pelas notícias do dia, vale registrar o trágico falecimento de Ove Andersson, antigo chefe de equipe da Toyota na Fórmula 1 e no Mundial de Rally. O dirigente sueco morreu na África do Sul, durante uma competição off-road de carros antigos. Ele dirigia um Volvo de 1957, e bateu de frente com um caminhão. Embora não tenha tido muito sucesso na Fórmula 1 entre 2002 e 2003, Andersson conquistou sete títulos como chefe da Toyota no Mundial de Rally, sendo quatro de pilotos e três de construtores.

Ove Andersson tinha 70 anos.



O vídeo do dia é uma longa reportagem sobre a carreira de Rubens Barrichello, incluindo cenas raras da infância, dos bastidores e dos primeiros passos da trajetória de Rubinho. Vale a pena conferir:


Nos vemos por aí!

Crédito das fotos:

Ove Andersson -
www.news.bbc.co.uk
Demais - www.motorsport.com

7 comentários:

fake lottery tickets disse...

wala pulos imo blog.

Net Esportes disse...

depois do terceiro lugar no Canadá essa aposentadoria é inevitável !!!

Daniel Médici disse...

As diferenças nas casas dos segundos não são de se espantar muito, visto que corre-se em um circuito de quase 14km...

Le Mans é a Meca do automobilismo, alguma vez na vida todos têm que ir lá.

GiglioF1 disse...

Gustavo,

Acho que Zonta & Cia beliscam esta!!!
Abraco!

GiglioF1 disse...

Gustavo,
Algo mais...

Super video... Rubinho nao teve seu lugar na história..Seu
" manager" no primeiros anos da carreira atrapalhou o futuro...
Pro Giglio um dos Top brasileiros e mundiais..

Abraco
Luis

Speeder_76 disse...

Em relação a Le Mans, este é definitivamente o ano da Peugeot. E para os meus lados, a hipótese de ver um português no lugar mais alto do pódio é ainda mais real. Seria o máximo! Pelo menos por uma vez, nós chegariamos primeiro do que vocês... LOL!


Já agora, comemoro 150 mil. Aparece por lá!

Marcos Antônio Filho disse...

Será que o Villeneuve conseguirá repetir o feito do Graham Hill?Talvez consiga pq a Peugeot tá dominando...

abraços!