sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Tony Kanaan continua na Andretti Green

O brasileiro Tony Kanaan já tinha um acordo verbal com a Ganassi, líder do campeonato deste ano com Scott Dixon.

Mas deu para trás no último minuto.

Numa atitude surpreendente, Tony assinou para ficar mais cinco anos na Andretti Green. Disse que deseja encerrar sua carreira na Indy com a equipe e que não tem dúvidas de ter feito a escolha correta.

Na Ganassi, suas chances de levar outro título seriam consideravelmente maiores, mas Tony não se importou. Escolheu ficar na equipe que lhe proporcionou a primeira oportunidade de andar entre os líderes. Não fosse a Andretti Green, Tony talvez nunca tivesse ganhado o prestígio e o respeito que acumula hoje.

Chip Ganassi, espécie de Ron Dennis da Fórmula Indy, até agora não entendeu nada.

Ele e Tony haviam acertado tudo no início da semana. Mas o baiano percebeu alguma coisa no cláusula do contrato que o desagradou. Sabendo que sua posição é bem mais segura na Andretti Green, Tony renovou com a equipe até 2013.

Agora, o mais provável é que cumpra os cinco anos de compromisso e abandone a Indy depois disso. Com o título de 2004 já no bolso, o grande objetivo de Tony para as próximas temporadas passa a ser outro.

Conquistar a tão sonhada vitória nas 500 Milhas de Indianapolis.

2 comentários:

Marcos Antônio Filho disse...

é,ele sempre quis vencer essa corrida,aliás é sonho de todo o piloto da F-indy,vencer uma 500 milhas é algo único.

abraços

Saraiva disse...

Foi um "bom negócio" isso