segunda-feira, 2 de junho de 2008

O boato do dia: Nelsinho Piquet pode parar na Toro Rosso após G.P. do Canadá

A fábrica de boatos da Fórmula 1 acaba de produzir mais uma pérola. E, de novo, Nelsinho Piquet está no centro das especulações. Segundo a publicação suíça Motorsport Aktuell, o piloto brasileiro pode ser envolvido num troca-troca já depois do G.P. do Canadá. Nelsinho seria rebaixado à Toro Rosso, no lugar de Sebastian Vettel. Ao mesmo tempo, o alemão passaria a titular da Red Bull, enquanto David Coulthard assumiria a vaga de Nelsinho na Renault.

De acordo com a Motorsport Aktuell, o principal empecilho para a tripla negociação é o chefe de equipe da Toro Rosso, Gerhard Berger, que não estaria disposto a abrir mão de Vettel. O mais difícil na história toda, porém, é acreditar na contratação de Coulthard pela Renault. Em péssima fase, o escocês certamente não aparece entre os favoritos do time francês para substituir Nelsinho. Isso se o brasileiro realmente estiver ameaçado de demissão.

Enquanto se prepara para o G.P. do Canadá, que deve ser decisivo para o seu futuro na categoria, Nelsinho tenta manter uma postura tranqüila. Em comunicado distribuído pela Renault nesta segunda, o brasileiro se mostrou otimista. "Estou confiante e acredito que posso conseguir um bom resultado. Meus objetivos são encontar um acerto que me deixe confortável no carro, e não perder a concentração", falou o piloto brazuca.

Para Nelsinho, "não perder a concentração" será um desafio e tanto. Mas, se ele deseja continuar como titular na Fórmula 1, conviver bem com a pressão é fundamental.


Assim como Nelsinho, Fernando Alonso também vem sendo protagonista de uma série de especulações nas últimas semanas. O bicampeão, porém, garante que nenhuma delas faz sentido. "Até agora, não falei com ninguém, e ninguém veio falar comigo", afirmou Alonso ao jornal As de hoje. Apesar disso, seu nome continua cogitado para uma vaga na BMW em 2009 - onde substituira o alemão Nick Heidfeld - ou para a Ferrari em 2010, caso Kimi Raikkonen não renove contrato com a equipe vermelha.

A menos de uma semana para o G.P. do Canadá, a previsão do tempo aponta possibilidade de chuva apenas para o treino classificatório de sábado. Segundos os metereologistas, as atividades de sexta devem acontecer numa temperatura agradável, com céu parcialmente encoberto e 45% de chance de pista molhada. O percentual sobe para 75% no sábado, quando deve chover o dia inteiro. No domingo, a possibilidade de chuva está somente em 10%.

Fechando o giro pelas notícias do dia, vale registrar uma surpreendente revelação do italiano Valentino Rossi ao jornal Welt am Sonntag. Dois anos e meio após fazer testes pela Ferrari durante o período de pré-temporada em 2006, o heptacampeão das motos admitiu que a equipe vermelha gostaria de contratá-lo na época. "Pensei seriamente numa mudança para a Fórmula 1, porque a Ferrari me queria. Mas adoro a minha vida e amo correr na MotoGP", contou Rossi.

Uma pena. O irreverente Rossi daria uma bela sacudida no mundo cada vez mais burocrático da Fórmula 1.


O último fim de semana teve batida envolvendo mais de dez carros na Nascar e o vôo de Vítor Meira durante a etapa de Milwaukee da Fórmula Indy. Mas a maior de todas as pancadas foi a do espanhol Marc Gené, nos treinos livres para as 24 Horas de Le Mans. Num acidente flagrado apenas pelas câmeras de segurança da pista francesa, Gené sai capotando de repente no meio de uma curva, provavelmente por uma falha mecânica. Apesar da violência do impacto, ele não se machucou. Vale a pena conferir:



Até a próxima!

Crédito das fotos:
Valentino Rossi - http://www.motosport.com/

7 comentários:

Net Esportes disse...

Acredito que o Alonso na Ferrari seria interessante pra F-1 .....

Adalberto Althoff Jr. disse...

Que nada... acho que o "véio David" vai pra NASCAR...

Speeder_76 disse...

Não seria um esquema mal pensado... sempre me disseram que o Nelsinho não é personagem que se adapta "de estaca". Veremos...


Quanto ao video, esse acidente acontece um mês e meio depois do Ortelli, em Monza... começo a ficar com medo que que o próximo cause consequências mais graves. Espero que não!


P.S: Ando a comentar as decisões do Tio Max. O que achas?

Daniel Médici disse...

Couthard pode ajudar a desenvolver o carro da Renault e vai deixar Alonso em paz, o que, cá entre nós, é tudo o que o espanhol quer...

Sobre o comentário do Speeder, mais da metade dos acidentes fatais em Le Mans ocorreram na Mulsanne. Já sabemos onde devemos ficar de olho, próximos dias 14 e 15...

Guilherme (RJ) disse...

Boato bom seria:

"Nelsão Piquet assume cock-pit da Renault no lugar de seu filho e mostra pro Alonso com quantos paus se faz uma canoa".

O Alonso não tem nada a ver com essa história, mas seria apenas pra dar mais sensacionalismo ao boato... hehehe

Aliás, nem a canoa tem a ver...

Abraços!

Blog F1 Grand Prix disse...

Obrigado pelas mensagens!

Guilherme: Já pensou ver o Nelsão de volta? Realmente, este é o único boato que não apareceu até agora...

Grande abraço a todos!

Gustavo Coelho

Marcelonso disse...

Grande Gustavo

Gostaria de ver Alonso e Kubica fazendo dupla na BMW-Sauber,desse modo acredito que teriamos um grande salto de qualidade no carro bávaro,e mais tempero ainda no mundial.

Quanto a Nelsinho,antes não acreditava que fosse substituido,antes do final da temporada,mas agora com essa atuações terríveis,erros grosseiros,acredito que não corre em Interlagos

abraço