sábado, 26 de abril de 2008

Pole position do G.P. da Espanha é de Kimi Raikkonen

Atualizado às 23:30h, com os comentários sobre a classificação de hoje e o "vídeo do dia"

Confirmando seu favoritismo, Kimi Raikkonen cravou a pole position do Grande Prêmio da Espanha, superando o herói local Fernando Alonso nos últimos segundos do animado treino classificatório de hoje. Com um carro claramente mais leve, Alonso perdeu a liderança por apenas 0.091s, mas ainda conseguiu um merecido lugar na primeira fila. Logo atrás do espanhol, Felipe Massa precisou se contentar com o terceiro posto, após cometer um erro na sua derradeira volta rápida.

Ao contrário do que apontava a previsão do tempo, a chuva não chegou a ameaçar as atividades em Barcelona, que aconteceram num clima quente e ensolarado. Já mostrando de cara seu cartão de visitas, Kimi Raikkonen estabeleceu o melhor tempo no primeiro trecho da classificação, sem maiores dificuldades. Na ponta de baixo da tabela, a briga para fugir da eliminação foi equilibrada como de costume.

Arriscando fazer apenas uma volta rápida, David Coulthard se deu mal, pegou tráfego e terminou somente em 17º. Além do escocês, também ficaram de fora Sebastian Vettel e as duplas de Force India e Super Aguri. A Toyota por pouco não foi duplamente eliminada, mas seus pilotos conseguiram se recuperar bem no final. Jarno Trulli, inclusive, fechou a primeira fase da classificação na vice-liderança.

No segundo período do treino, Robert Kubica saiu marcando o melhor tempo já de início. O polonês, porém, acabaria superado mais tarde por Felipe Massa, que estabeleceu a volta mais rápida do fim de semana. Na briga para escapar da eliminação, pior para Rubens Barrichello, Kazuki Nakajima, Jenson Button, Timo Glock, Nico Rosberg e Sebastien Bourdais, os "nocauteados" da vez.

Mesmo não conseguindo emplacar nenhum piloto na superpole, a Honda mostrou clara evolução. Por outro lado, a Williams voltou a decepcionar, embora Nakajima mereça elogios por ter superado pela primeira vez seu companheiro Rosberg. Na turma que conseguiu vaga entre no "top 10", a novidade era o nome de Nelsinho Piquet, fazendo sua estréia na fase final da classificação.

Após dominar o segundo período do treino, Massa deu pinta de que iria marcar uma pole fácil quando cravou 1:22.058s na sua primeira tentativa na superpole. Mas o brasileiro cometeu um erro bobo na sua última volta mais rápida, perdendo tempo logo antes da entrada da reta de largada. Massa não conseguiu melhorar sua marca e caiu para terceiro, batido por Raikkonen e Alonso.

O finlandês fez uma volta praticamente perfeita, enquanto Alonso chegou ao limite do carro. Apesar de não ter maiores perspectivas de vitória amanhã, o bicampeão realmente animou a torcida espanhola, que compareceu em peso à pista de Barcelona. Atrás de Massa, Kubica mais uma vez apareceu bem com a BMW, em quarto. Já a McLaren não passou de quinto e sexto, com Hamilton superando Kovalainen em dois décimos.

A quarta fila será formada pelos "leões de treino" Mark Webber e Jarno Trulli, brilhantes como sempre na classificação. Com o carro pesado, Nick Heidfeld foi apenas um desanimado nono, logo à frente de Nelsinho Piquet, que fecha os dez primeiros. Para a prova deste domingo, a previsão do tempo aponta um dia quente, com pequena possibilidade de chuviscos durante a corrida. A seguir, o grid de largada do Grande Prêmio da Espanha:

1. Kimi Raikkonen/Finlândia/Ferrari, 1:21.813s
2. Fernando Alonso/Espanha/Renault, 1:21.904s
3. Felipe Massa/Brasil/Ferrari, 1:22.058s
4. Robert Kubica/Polônia/BMW, 1:22.065s
5. Lewis Hamilton/Inglaterra/McLaren, 1:22.096s
6. Heikki Kovalainen/Finlândia/McLaren, 1:22.231s
7. Mark Webber/Austrália/Red Bull, 1:22.429s
8. Jarno Trulli/Itália/Toyota, 1:22.529s
9. Nick Heidfeld/Alemanha/BMW, 1:22.542s
10. Nelsinho Piquet/Brasil/Renault, 1:22.699s
11. Rubens Barrichello/Brasil/Honda, 1:21.049s
12. Kazuki Nakajima/Japão/Williams, 1:21.117s
13. Jenson Button/Brasil/Honda, 1:21.211s
14. Timo Glock/Alemanha/Toyota, 1:21.230s
15. Nico Rosberg/Alemanha/Williams, 1:21.349s
16. Sebastian Bourdais/França/Toro Rosso, 1:21.724s
17. David Coulthard/Escócia/Red Bull, 1:21.810s
18. Sebastian Vettel/Alemanha/Toro Rosso, 1:22.108s
19. Giancarlo Fisichella/Itália/Force India, 1:22.516s
20. Adrian Sutil/Alemanha/Force India, 1:23.224s
21. Anthony Davidson/Inglaterra/Super Aguri, 1:23.318s
22. Takuma Sato/Japão/Super Aguri, 1:23.496s

A largada do Grande Prêmio da Espanha está marcada para as 9 horas de Brasília deste domingo.



Adivinhem qual será o momento chave da prova de amanhã? A largada, é claro. Se completar a primeira volta na liderança - e caso Massa não consiga superar Alonso na disputa pelo segundo lugar - Raikkonen tem a vitória no bolso. Para Massa, é fundamental acompanhar o ritmo do finlandês desde o início, já que a ultrapassagem precisará ser feita nos boxes. Dentro da pista, é praticamente impossível imaginar a dupla da Ferrari brigando por posição.

Se nada der errado para o time de Maranello, a dobradinha já está garantida. Largando de quarto, Kubica e a BMW não podem esperar mais do que um podium. E a McLaren, mesmo que esteja mais pesada, parece longe de incomodar a Ferrari. Com Raikkonen e Massa disparados na frente, restará a Alonso, Kubica e Hamilton lutar apenas pelo terceiro lugar. Por enquanto, a Ferrari está sobrando.

Antes de encerrar o post do dia, vale registrar o resultado da primeira bateria da nova temporada da GP2. Fazendo sua estréia na categoria, o português Álvaro Parante conseguiu uma grande vitória, liderando a bateria de hoje de ponta a ponta. Logo a seguir, em segundo, Bruno Senna mostrou que está na briga pelo título. Andreas Zuber foi terceiro, com o favorito Romain Grosjean aparecendo somente em quinto. Mais atrás, Alberto Valério veio em 13º, enquanto Diego Nunes finalizou em 15º.

A segunda corrida da rodada dupla de Barcelona da GP2 acontece amanhã, às 5 horas da matina de Brasília, com transmissão ao vivo do SporTV.



Para quem não viu o treino classificatório, vale conferir o rápido resumo abaixo. É este o vídeo do dia:



Nos vemos por aí!

Crédito das fotos: www.gpupdate.net

10 comentários:

Emanuel disse...

Gustavo,
amanhã vai ser um novo teste para quem, como eu, acredita que o Massa, quando não sai na pole, não vence. Se não me engano, também é a tua opinião, certo?
Então, só resta torcer para que volte o 'azar' do Raikonnen.
Até porque, caso o finlandêns ganhe, não haverá como a Ferrari deixar de dar preferência a ele, ostensivamente, nos próximos GPs.
Abração.

Loucos por F-1 disse...

Foi uma grande volta a de Raikkonen, mereceu a pole com sobras.
Alonso levou o público ao delírio com sua 2º posição no grid de largada. Um presente para a rorcida que compareceu em peso.

Abraço!

Leandro Montianele

Priscilla Bar disse...

Ai meu Deus!

Como o Alonso faça pódio amanha...
mais de um vai tremer...rs

Torcida deu show e Alonso retribuiu

Marcelonso disse...

Salve Gustavo

Muito legal ver Alonso de volta a frente.Foi de arrepiar ver a torcida reverenciando o espanhol após sua volta voadora.
Nos remete aos tempos da Lotus,onde Senna mesmo não tendo um equipamento de ponta,liderava durante um bom tempo aquela fila...
Lembro de estar presente em Jacarepaguá no ano de 1989,onde Ayrton já campeão pela McLaren,passava nos treinos e em plana reta acenava para a galera ,foi bacana.

Marcos Antônio Filho disse...

Vai ser vitóri afácil da Ferrar,mas vamos ver a estratégia da Renault com Alonso,pra se belisca pelo menos um pódio.

abraços!

Guga Schultze disse...

Massa me lembra muito o Mansell, veloz e briguento, às vezes dá certo. O Kimi, apesar do azar de antes de ser campeão, é mais calculista. Me lembra o velho Jack Stewart. É mais constante. Ser piloto de ponta e conseguir ser constante nessa posição, é quase tudo num campeonato. Agora, torço muito pro Kubica, talento puro.

Guilherme (RJ) disse...

Fala Gustavo...

Eu estava sentindo falta de uma estratégia mais arrojada pela Renault, principalmente por ter um piloto competente para cumprir com brio essa tarefa.

Espero que seja uma tentativa positiva essa do Alonso. Pelo menos dá uma mexida nos concorrentes diretos (Toyota e Williams).

Nesse GP sou Massa, torço pra BMW, mas estou vestindo a camisa da Alonsomania...

Abraços!

Blog F1 Grand Prix disse...

Obrigado por todas as mensagens!

Emanuel: Acredito que o Massa tem condições de vencer corridas largando de trás, mas amanhã será bem difícil. O Raikkonen é o grande favorito, e só perde a vitória se cometer algum erro ou tiver problemas...

Guga: A semelhança do Massa com o Mansell já lhe rendeu o apelido de "Nigel Massa". O estilo dos dois é realmente bem parecido...

Guilherme: Depois desse segundo lugar do Alonso, é quase impossível não torcer para o espanhol. Como disse a Priscila lá em cima, se ele fizer um podium, a terra vai tremer em Barcelona...

Grande abraço a todos!

Gustavo Coelho

Blog F1-V8 disse...

Essa segunda posição do Alonso foi tirada diretamente da cartola!!
O pacote aerodinâmico funcionou!!!

Gardagami disse...

See Please Here