segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Massa, enfim o número 1 da Ferrari

A Ferrari confirmou nesta segunda aquilo que a imprensa italiana e boa parte do público brasileiro já pediam desde o GP da Bélgica.

Pela primeira vez, o chefe de equipe Stefano Domenicali admitiu que Raikkonen vai ajudar Massa nas provas finais do campeonato.

Disse Domenicali que "os interesses da Ferrari estão sempre à frente".

Fica a dúvida se Raikkonen estaria disposto a ajudar Massa, mas o finlandês deve um favor pela assistência que o brasileiro deu no fim do ano passado.

Agora, só cabe a Massa provar que merece a confiança da equipe.

Não vai adiantar nada ser o primeiro piloto da equipe se Raikkonen, de repente, começar a andar mais do que ele.

O campeonato está totalmente aberto entre Massa e Hamilton. Cada um com chances praticamente iguais.

Num aspecto, apenas, o inglês leva vantagem: a experiência de ter ficado na disputa até o fim na temporada passada. Massa, vale lembrar, perdeu as chances de título a três ou quarto provas do encerramento do campeonato.

Pelo trauma que sofreu no ano passado, Hamilton amadureceu bastante e parece entrar na briga deste ano bem mais forte no aspecto psicológico.

Mas Massa é osso duro de roer. Nunca chegou tão perto de um título e não dá pinta de que vai ceder à pressão.

O próximo "round" entre os dois será em Cingapura. Vamos esperar para ver.

Na primeira corrida noturna da Fórmula 1, sobram dúvidas e quase não há respostas.

No momento, é quase impossível apontar qual dos dois vai se sobressair.

16 comentários:

dado andrade disse...

O Felipe e o Hamilton,sobram no meio da macacada,principalmente e respectivamente um no seco e outro no molhado.Nao adianta alguns comentaristas professorais insistirem que o Hamilton vem andando bem na pista molhada,em funcao de maior aderencia da Mc Laren em relacao a Ferrari.A engenharia da Ferrari nao eh tao estupida para nao ter encontrado a formula de fazer com que o carro deles tracionem no molhado!!!Poderiam pedir receita a TORO ROSSO.Resumo,resemos para que nao garoe nas proximas provas e teremos um CAMPEAO DO MUNDO novamente.Abracos Dado Andrade.

Dé Palmeira disse...

Bom, Hamilton tem outra vantagem Gustavo.

O carro.

O MP-23 está num nível superior, mais equilibrado e não sofre dos problemas falta de aquecimento dos pneus como a Ferrari.

Em Cingapura o GP vai ser disputado à noite o que acarreta temperaturas mais baixas na pista e isso na teoria favorece o time inglês.

No Japão existe sempre a possibilidade de chuva, esse é o tipo de cenário onde as deficiências do F2008 ficam mais evidentes como vimos nos últimos GPs. O mesmo exemplo serve para São Paulo.

Ou seja, na minha opinião o campeonato está aberto mas Felipe e a Ferrari vão ter que se superar pra sanar rapidamente esses problemas.

Torço por isso.

dado andrade disse...

DE PALMEIRA. Nao entre nessa que eh furadona.Abs. Dado Andrade.

blogaodogremio disse...

Oi!
Sou administrador dos Blogs do Grêmio e do Flamengo, os dois mais populares times do Brasil. Meus blogs são os mais visitados e gostaria de trocar relacionados com seu blog. Caso aceite esses são os links:

blogaodogremio.wordpress.com
blogaodoflamengo.wordpress.com

pode relacionar e me avisar por e-mail que faço o mesmo aqui:
alessandrolisboa9@hotmail.com

Agradeço a atenção e espero que nossa parceria seja duradoura.
abraços.

Thiago Raposo disse...

Kd a galera que acreditava em teoria da conspiração contra os brasileiros?
Ninguém vai chiar agora que fizeram o mesmo com o finlandês?
Ou são duas moedas e duas medidas?
Contra nós não vale, a favor de nós pode tudo!
Abraços Gustavo!

Paulo Maeda™ disse...

Eu não concordo com o Dado. A Ferrari tem sim gdes dificuldades pra andar na chuva ainda mais com o crescimento da Mclaren da metade da temporada até hj.
Se a temperatura noturna mais baixa prejudica a Ferrari, Massa andou mto bem nos 2 circuitos de rua (Monaco e Valencia),não podemos nos esquecer disso.
E qto ao Kimi, ái se ele não ajudar o Massa, além de dever o favor do ano passado, ele tem q se tocar que não está em condições de decidir se vai ou não ajudar.
Obs: q diabos acontece com ele nos treinos, se nas provas é um festival de voltas mais rápidas dele?

Fábio Andrade disse...

Pessoal, lembrem-se que a baixa temperatura é ponto contra, mas o uso dos pneus macios e super-macios é ponto favorável à Ferrari. Foi graças aos pneus que a equipe reverteu o favoritismo da McLaren nas pistas de rua.

Porém, questões como a visibilidade ainda são uma incógnita e só estarão mais claras no 1º treino da sexta-feira.

Quanto à questão da hierarquia na Ferrari, falo dela lá no "De Olho."Acho que, cedo ou tarde, Raikkonen terá de ceder.

lynwilliams disse...

Uai, se Kimi começar a andar mais que o Massa ele não vai estar cumprindo com a determinação do time. A hora já passou, agora ele que se esforce pra continuar andando mal!

Saraiva disse...

A situação é difícil pra Kimi, mas não impossível. Ano passado ele estava nessa mesma situação, e virou o jogo. O Massa deve ter cuidado para não deixar de pontuar em nenhuma prova.

Dé Palmeira disse...

Dado, só estou deduzindo isso baseado nas informações que eu tenho colhido nos diversos veículos de comunicação, além do que eu tenho visto durante toda a temporada.

Na chuva a Ferrari não anda mesmo.

Massa não gosta de asfalto molhado mas acho que o grande problema é o carro.

Se vai haver evolução nas próximas etapas que possibilite resolver essas deficiências é o que vamos ver.

Thiago Fagnani disse...

Mais do que merecido!!
Se o Raikkonen naum ajudar, será o fim da picada!!

dado andrade disse...

Continuo torcendo meus caros De Palmeira e Paulo Maeda,PARA QUE O PROBLEMA DA FERRARI EM PISTA MOLHADA seja mesmo soh do carro.Eu acredito que eh de Mao de Obra de ambos os pilotos.Sds.Dado Andrade.

Dé Palmeira disse...

Bom Dado, a Ferrari não tem só o carro como problema. Todos nós sabemos que Felipe Massa não é um piloto que se sente muito à vontade correndo na chuva.

Mas isso não quer dizer que ele não possa ou mereça ser campeão.

Não quero fazer comparações, e por favor não me entendam mal mas um dos maiores pilotos de todos os tempos, Alain Prost, quatro vezes campeão do mundo tinha verdadeiro pavor de correr no molhado.

Em San Marino na temporada de 91 (se não me engano) ele rodou sozinho com a sua Ferrari na volta de apresentação e acabou vendo a corrida pela TV do hotel.

Então, acho que Massa pode sim ser campeão mesmo com essa certa inabilidade que lhe é peculiar.

A disputa certamente vai ser muito dura mas mas ele tem chances reais de chgar ao título e eu pessoalmente torço pra isso.

blogguardrail disse...

Que o Massa era o nº1 da Ferrari, era questao de tempo.Agora, acho meio precipitado "mandar" o Raikkonen ser o escudeiro.Afinal, o próprio Massa só fez de escudeiro do finlandês na última prova, por isso entendo um pouco a atitude do Raikkonen.

dado andrade disse...

De Palmeira,dificilmente um cara fique mais grudado do que eu na TV,torcendo pelo Massa.Tambem quero que ele seja Campeao do Mundo,mas rezemos para que nao molhe mais.Nao digo que ele eh ruim de pista molhada,eh que o Hamilton eh otimo.Tomara o Massa fique mais mordido e venha andar no molhado igual ao Prost,que jah deu calor memoravel no Ayrton quando inspirado.Sds.Dado Andrade.

Blog F1 Grand Prix disse...

Obrigado por todas as mensagens!

Desculpe por não responder a cada um de vocês individualmente. Sobre a diferença entre os carros de McLaren e Ferrari, acredito que o time prateado tenha uma leve vantagem no momento, mas nada muito significativo. O piloto, a estratégia de pits e o acerto em cada pista é que fazem a diferença basicamente.

Em chuva, porém, o carro da McLaren é claramente melhor. Massa precisa torcer para não chover em Cingapura. Pelo que pesquisei, andou chovendo a semana inteira por lá...

Grande abraço!

Gustavo Coelho