sábado, 12 de julho de 2008

Chuva impede dobradinha brasileira na etapa da Indy em Nashville

O neozelandês Scott Dixon parece mesmo estar com sorte de campeão. Neste sábado, o piloto da equipe Ganassi venceu pela quarta vez na temporada da Fórmula Indy ao triunfar na etapa de Nashville, contando com a proverbial interferência da chuva quando estava prestes a perder a liderança. Seu companheiro Dan Wheldon, que também precisava fazer mais um pit stop, arrebatou a segunda colocação, seguido pelos frustrados brasileiros Helio Castroneves e Tony Kanaan.

Vice-líder no campeonato, Helinho largou da pole e contava com a corrida de hoje para diminuir a vantagem para Dixon. Mas o que aconteceu foi justamente o contrário. A pouco mais de 50 voltas para a bandeirada, uma fina garoa atingiu o oval de Nashville, provocando uma bandeira amarela. Quase todos os pilotos aproveitaram a oportunidade para reabastecer pela última vez. Dos líderes, apenas a dupla Dixon-Wheldon optou por continuar na pista.

Se não chovesse mais, os pilotos da Ganassi cairiam para o meio do pelotão e teriam um grande prejuízo. A chuva, porém, reapareceu exatamente quando os dois já estavam prestes a visitar os boxes. Para Helinho, restou o consolo do terceiro lugar, conseguido após uma bela ultrapassagem sobre Kanaan cerca de dez voltas antes da interrupção. O baiano ficou com o quarto posto, logo à frente da musa Danica Patrick.

Vitor Meira perdeu tempo no início, mas fez bela corrida de recuperação e salvou um sexto lugar. Em décimo, Mario Moraes conseguiu seu melhor resultado em ovais na temporada. Os demais brasileiros não tiveram sorte: Bruno Junqueira não passou de 16º, enquanto Enrique Bernoldi e Jaime Câmara tiveram problemas mecânicos e não completaram a corrida.

A próxima etapa acontece no circuito misto de Mid-Ohio, no dia 20 de julho.



Com sobras, Casey Stoner cravou a pole position para o Grande Prêmio da Alemanha da MotoGP, em Sachsenring. O atual campeão bateu o líder do campeonato Daniel Pedrosa em três décimos para marcar o primeiro tempo. Colin Edwards ficou com a terceira posição. Já Valentino Rossi precisou se contentar com o sétimo posto. A largada para o G.P. da Alemanha está marcada para as 9h00 de Brasília, neste domingo, com transmissão do SporTV.

Em Portugal, o italiano Nicola Larini foi o mais rápido na classificação de hoje e vai largar na pole position da etapa do Mundial de Turismo no circuito do Estoril. O sueco Rickard Rydell e o suíço Alain Menu fecham os três primeiros. Por sua vez, o brasileiro Augusto Farfus terminou no sétimo lugar, uma posição atrás do tricampeão Andy Priaulx. Líder do campeonato, o italiano Gabriele Tarquini sai de oitavo.

Para fechar o giro pelas notícias do dia, vale registrar a brilhante vitória de Bia Figueiredo na etapa de Nashville da Indy Lights. Com uma atuação dominante, Bia assumiu a liderança pouco antes da metade da corrida e não perdeu a ponta até o fim. Foi a primeiro triunfo de uma mulher na Indy Lights e de uma brasileira numa categoria internacional, excluindo a Fórmula 3 Sul-Americana.

Segundo colocado na temporada, o mineiro Raphael Mattos terminou em quinto e aproximou-se do líder Richard Antinucci.



O vídeo do dia é um anúncio antigo e genial da Siemens, estrelando David Coulthard e Mika Hakkinen. A propaganda é da época em que a dupla da McLaren dominava a Fórmula 1, sendo ameaçada apenas pelo alemão Michael Schumacher. Em certas ocasiões, o domínio de Coulthard e Hakkinen era tão grande que inspirou a idéia do comercial aí debaixo. Vale a pena conferir:



Até mais!

Crédito das fotos:
www.motorsport.com (apenas Stoner) e www.indycar.com

8 comentários:

F-1 A.L.C. disse...

mika rules!
mais que boa propaganda!

olha que ahi coulthard so ganhou a corrida por ter entrado de ultimo no cabelereiro. senão, era mika na fita.

fico muito feliz por bia. ta na hora de ter saia na F1, ate quando vamos ver os americanos disfrutar daquelas genios e a gente sem nenhuma na categoria?

nelson disse...

Alguém mais duvida que Dixon será o campeão desta temporada da IndyCar? É impressionante, até quando a Ganassi se embanana na comunicação as coisas dão mais do que certas para eles... (palavras do neozelandês após a prova: "...Tem sido um inferno de tanta sorte para nós, mas não se pode ter tanta sorte quanto nós tivemos esta noite. Foi um erro de comunicação dos boxes. Esta é a única razão que eu não entrei. Fiquei com raiva por algumas voltas, mas quando eu vi que começou a chover, pensei 'isto pode ter funcionado muito bem'...").

Brilhantes as ultrapassagens do Hélio após a última relargada sobre a Danica e o Tony, ele está lutando como pode, mas é o ano do Dixon, mesmo, ele já está com 63 pontos à frente...

Boa corrida do Vitor Meira, mas parece que ele não tem como fazer a Panther voltar aos bons tempos do Sam Hornish, talvez uma mudança de ares fizesse bem ao brasileiro...

Gustavo, sobre o Mário Moraes, corrige lá, foi o melhor resultado dele em ovais neste ano, já que em Watkins Glen, na semana passada, ele terminou em 7°.

É incrível como a Conquest não consegue terminar uma corrida...

Coitado do Briscoe, o cara é rápido, mas tem muita falta de sorte.

Marco Andretti também não consegue ficar longe de um incidente... loucura o que ele tá fazendo, correndo na ALMS também.

A transmissão fica muito melhor sem o Luciano do Valle, mas acho ruim quando os pilotos tão lá dando entrevistas e eles ficam falando por cima da fala de algo completamente diferente...

Já a "Ana Beatriz" conseguiu um grande resultado, venceu, logo na primeira temporada e em um oval, com um pouco de sorte, pode entrar na briga pelo título, restam só 6 corridas para o final da Indy Lights...

Bom resultado também para o Raphael Matos, que vem provando que fez uma ótima escolha no começo do ano, quando disse não ao prêmio de campeão da F-Atlantic (por não querer correr na ChampCar) para começar tudo de novo na Lights, está muito bem na luta pelo título.

E pelo amor de Deus, quando alguém vai perceber que aqueles Dallara merecem ir para o lixo de tão feios?

Abraço,
Nelson

bernard n. shull disse...

hi mate, this is the canadin pharmacy you asked me about: the link

GiglioF1 disse...

Gustavo,

Sobre a chuva ..sem comentários..mas acho que o Helio poderia ter " beliscado esta"...
Bia , sensacional!!!

Sobre o video... Pro Coulthard nao mudou nada...ele pode parar e fazer a barba que nao muda nada!!!!!

Bela postagem!!!

Monocromático disse...

Bia Figueiredo pode fazer muito mais sucesso que a Danica Patrick em qualquer categoria.

Vitor disse...

Fala Gustavo, beleza? Cara, a Bia manda muito bem, tem talento e é arrojada, duas características básicas para um (ou uma) piloto!

Acho que ela terá um belo futuro pela frente, seja nos EUA ou em qualquer outro lugar!

E sem contar que ela é uma simpatia de pessoa, tive a oportunidade de conhecê-la em 2006 durante o Salão do Automóvel!

Quanto ao anúncio, muito boa a idéia, hehehehe!

Você vem pra cá em novembro, né Gustavo? Tô pensando em organizar um encontro com o pessoal de blogs, vê se tem uma espacinho na sua agenda aí!

Abraço!

Felipe Maciel disse...

A Indy e suas decisões malucas de corridas...

Gustavo, dá pra gravar? Checa o email ae...

abs

Blog F1 Grand Prix disse...

Obrigados pelas mensagens!

Nelson: Vou corrigir a informação sobre o Mario Moraes, pode deixar! Valeu...

Grande abraço a todos,

Gustavo Coelho